COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba

Twitter RSS

COXAnautas > Colunistas > Marcus Popini > O jogo de ontem; a IAV; o público no Couto Pereira

29/09/2010 - 13h30 - Marcus Popini

O texto abaixo é de inteira responsabilidade do referido colunista e as opiniões aqui emitidas não refletem necessariamente a opinião do site e de seus administradores.

O jogo de ontem; a IAV; o público no Couto Pereira

 / Foto: Percy Goralewski



Ponte Preta x Coritiba

MUITO bom o jogo de ontem, em Campinas. A despeito de ter ficado um gostinho amargo na boca, por conta do gol “espírita” que a Ponte Preta conseguiu já no apagar das luzes (lembrei-me daquela partida contra eles em 2007, onde o cronômetro foi nosso aliado), achei que foi uma das melhores apresentações do Coritiba na segundona deste ano. Penso que se não fosse a esplêndida atuação do goleiro ponte pretano, o, Coxa teria conquistado uma vitória tranquila.

Mas o que fica dessa partida é a impressão de estarmos no caminho certo. Ney Franco parece ter encontrado a formação tática ideal para o time que, mesmo variando algumas de suas principais peças, tem conseguido manter um padrão, quase sempre se impondo ao adversário.

A continuar assim, a permanecer essa seriedade e vontade de vencer, e desde que se esqueça essa bobagem enorme de fazer uma contagem regressiva para a volta, temos tudo para estarmos menos tristes ao final deste ano. E digo “menos tristes” porque só teremos motivos reais para comemoração quando voltarmos a conquistar algo significativo, que não seja uma maldita segunda divisão do Brasil.





A IAV e a sua ação na justiça


Em janeiro deste ano escrevi um texto sobra a maior torcida organizada do Coritiba (texto esse que pode ser conferido aqui). Mesmo que eu ache uma idiotice sem tamanho essa história de “perguntar não ofende”, ainda mais quando se pergunta já sabendo a resposta (o que não foi o caso daquele texto), deixei no ar algumas perguntas que ainda julgo pertinentes, como por exemplo:

1- O que impede a Império Alviverde de continuar indo aos jogos, vestindo a camisa do Coritiba ao invés da camisa da organizada, entoando cânticos de apoio ao Coritiba, ao invés de declarações de guerra e gritos de auto exaltação, e ostentando faixas e bandeiras com o nome do Coritiba, ao invés do nome da organizada?

...

2- E pergunto mais, para tentar chegar a uma conclusão definitiva sobre o assunto: quanto vale a “marca” Império Alviverde? É mesmo tão danoso assim, ao Coritiba como um todo, o banimento dessa “marca” (e não dos Coxas Brancas que a integram)? Sem essa “marca” como vestimenta é impossível torcer pelo Coritiba?

Pois bem, a primeira pergunta já foi, em parte, respondida, com o apoio da IAV durante os dois jogos do Coxa depois da volta ao Couto Pereira. Porém, tivessem as outras perguntas também sido respondidas, talvez não soasse tão absurda a notícia de que a IAV ingressou na justiça contra o Coritiba para, segundo palavras do próprio presidente da torcida:

"garantir o ......
Direito de ir e vir... Artigo 5º da Constituição
Direito a livre associação... Artigo 5º da Constituição
Direito de Consumidor .... (Pois sou sócio do Coritiba e não tem nada escrito em meu contrato que me proiba de entrar com a camisa da IAV)"

Volto a dizer que não nego a importância da IAV na vida da torcida do Coritiba, mas continuo sem entender porque o fardamento da organizada é mais importante que a própria camisa do clube.

Atitudes como essa (ingressar na justiça contra o próprio clube), somadas aos fatos absurdos que continuam a acontecer com os tais “comandos” da torcida, como os protagonizados fora do estádio no último final de semana por um desses comandos da IAV contra o time infantil do Coxa que chegava de Londrina (trazendo mais um título para o nosso clube), bem como à falta de transparência sobre o porquê da insistência em perpetuar a “marca” (na acepção comercial da palavra) IAV é que me levam a acreditar que certa está a posição adotada pelo clube, ao limitar não o direito de ir e vir, a livre associação ou os direitos do consumidor, como prega o presidente da “Organizada”, mas sim a exposição de uma “marca” que, além de competir comercialmente com o clube, para sempre será associada à violência, por conta dos tais "comandos", ainda que sua maioria esteja pagando os pecados de uma minoria. Porém, quando assume publicamente não ter o controle sobre essa minoria, a própria “organizada” dá uma procuração para que outros ajam por ela, limitando suas atitudes e seu raio de ação. Para o bem do Coritiba.




O público presente nos jogos no Couto Pereira

Decididamente, a torcida fiel do Coritiba, em termos de comparecimento ao Alto da Glória, se resume a 10, 12 mil pessoas. Pois bastou passar a euforia do retorno pra casa, voltamos à já tradicional média da presença de público no estádio (daí o título do último texto que postei aqui). Menos mal que, dessa feita, muitos dos que não puderam/quiseram ir ao Couto Pereira associaram-se ao clube. Isso é algo pra lá de importante, pois, se não é possível ter o estádio sempre cheio, com dezenas de milhares de vozes a incentivar o time em campo, pelo menos é possível dar ao clube um suporte financeiro para que possamos competir minimamente, ainda que nunca em pé de igualdade, com os outros clubes do Brasil.

Sábado agora teremos outra partida em casa. Nova chance para novas demonstrações de amor ao Coritiba, através da presença no estádio e da associação ao clube. Ainda que uma dessas coisas possa até compensar a outra, é no incentivo para que ambas aconteçam juntas que reside a nossa redenção. Como clube, e como torcida.




popini@coxabranca.com

Participe do fórum do site COXAnautas.
98 comentários. Comente esta coluna aqui!

Para entrar em contato com este , efetue login no site.

Serviço

Próximo jogo

Paranaense, 31/01, 17h00

Nacional PR  X  Coritiba

Resultado anterior

Brasileirão, 07/12, 17h00

Coritiba 3 X 2 Bahia

Como foi o jogo | Ficha

Classificação

1 Fluminense 77
2 Atlético-MG 72
3 Grêmio 71
4 São Paulo 66
5 Vasco 58
6 Corinthians 57
7 Botafogo 55
8 Santos 53
9 Cruzeiro 52
10 Internacional 52
11 Flamengo 50
12 Náutico 49
13 Coritiba 48
14 Ponte Preta 48
15 Bahia 47
16 Portuguesa 45
17 Sport 41
18 Palmeiras 34
19 Atlético-GO 30
20 Figueirense 30

ver jogos e classificação detalhada

COXAnautas

1996-2014 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Race Internet